Hearthstone

TopDecks #59: Mago Controle do PNC (Top #35 Lenda)

PNC é, há anos, um dos jogadores profissionais mais consistentes em termos de resultados. O argentino terminou a temporada de HS na Ásia no #Top 50 lenda, garantindo pontos importantes para o circuito HCT.

“Peguei um Top 50 na Ásia, 22 pontos para as preliminares. Mago Controle que levou lá (13-1 contra Sacerdote Combo). Preciso descansar depois de 30 horas de ranqueado, ainda estou acampado no top 50 da NA e da EU, talvez tente ir pro na live quando eu acordar.”

Deck

2x (1) [Artífice Arcano]
2x (2) [Agoureiro]
2x (2) [Arcanóloga]
2x (2) [Familiar Corvídeo]
2x (2) [Pajem de Medivh]
2x (3) [Bloco de Gelo]
2x (3) [Defensor da Colina]
1x (3) [Mata-dragões]
2x (4) [Polimorfia]
2x (5) [Fúria de Dragão]
1x (6) [Geist Esquivo]
2x (6) [Meteoro]
2x (6) [Nevasca]
2x (7) [Golpe Flamejante]
1x (7) [Portal das Terras do Fogo]
1x (9) [Alexstrasza]
1x (9) [Evocadora Dragônica Alanna]
1x (9) [Jaina, a Lich do Gelo]

Código
AAECAc2xAgbFBKO2AqDOApvTAt7TAqPrAgxNigHAAckD7AfXtgLBwQKbwgKWxwLV4QLX4QKW5AIA

Conceito

Perguntamos ao PNC se ele tinha alguma dica para os leitores do Mundo de Eluna, e ele respondeu: “Sempre compre [Geist Esquivo] e [Polimorfia] contra Sacerdotes.”

O deck é um Mago Controle e, como deck controle, você “assiste o oponente jogar” e responde com os recursos a mão. A ideia principal é resolver várias cartas dele com menos cartas suas (Ex. Paladino jogou quatro cartas, você resolveu todas usando apenas uma [Fúria de Dragão]). Decks controle costumam “durar mais” que o oponente.

O inicio do jogo costuma ser poder heroico e algumas respostas mais baratas. Mais pra frente suas remoções ficam mais poderosas e é mais complicado para o oponente lidar com suas ameaças e ferramentas. Se aproveite disso! É comum fingir que não tem uma resposta em um turno para que ele dê um all-in e você esmague ele de vez. 😛

No final, a ideia é ter tantos recursos a mais que o oponente que você simplesmente não tem mais como perder o jogo (a não ser que a internet caia…)!

Cartas de Destaque

[Artífice Arcano] – Para ganhar um pouco de “vida” extra, em forma de armadura. Não se apegue muito aos combos grandes de armadura, as vezes um pouco é o suficiente para controlar o jogo nos próximos turnos.

[Agoureiro] – Em um meta com muitos decks aggro, joga-lo no turno dois é capaz de arrebentar feio os planos do oponente. Um [Agoureiro] bem jogado junto à [Nevasca] também pode liquidar muitos planos de decks com foco no late game. A carta é versátil e pode ser usada de várias maneiras.

[Arcanóloga] – Está aqui para puxar os dois [Bloco de Gelo] do deck rapidamente, assim suas [Fúria de Dragão] vão ser mais eficientes ao longo do jogo. Além disso, também é um lacaio de custo dois decente.

[Familiar Corvídeo] – Ótimo para comprar alguns feitiços e/ou descobrir que tipo de arquétipo seu oponente está jogando.

[Pajem de Medivh] – Após jogar um segredo seu Grito de Guerra causa três de dano. Isto costuma ser muito útil, mas não se preocupe em apenas jogá-lo após ter colocado um segredo, por vezes a melhor jogada é ter um lacaio para contestar a mesa.

[Bloco de Gelo] – Bora aproveitar enquanto ela ainda não rotacionou, não é?! “Não morrer” é um elemento forte no deck e costuma salvar em muitas situações – inclusive no planejamento para jogadas futuras. Jogar [Jaina, a Lich do Gelo] com um [Bloco de Gelo] ainda em jogo te proporciona uma vantagem imensa de jogo!

[Defensor da Colina] – Ótimo para encontrar alguns lacaios que compliquem a vida do oponente – seja [Rato Sujo], contra alguns decks combo, ou mesmo outros lacaios com Provocar que irão atrasar seu oponente até você reunir as cartas que precisa para controlar o jogo.

[Mata-dragões] – Dragões não chegam a ser os “novos piratas”, mas a vida alta que têm pode ser um problema para muitos decks. [Mata-dragões] auxilia e, muitas vezes, se livra sozinha deles, preservando sua mesa, vida e ganhando muito tempo de jogo.

[Polimorfia] – Ótima para lidar com lacaios chatos e/ou buffados de alguma maneira. Cada partida costuma ter seu alvo mais ou menos definido para ela, mas é comum precisar adaptar a estratégia a cada jogo. Procure usar remoções (principalmente as individuais) apenas quando necessário. Lembre-se que o oponente pode jogar uma isca antes de jogar a bomba de verdade. O ideal é ter respostas sempre e usar seus recursos com sabedoria.
#FicaDica: Contra Bruxos, procure usar nos [Demonarca], são eles que te matam, não o [Senhor do Caos].

[Fúria de Dragão] – Ótima para limpar mesas – principalmente contra decks agressivos. É comum usá-la no turno quatro (com moeda) contra paladinos. Mais para o final do jogo, costuma ser ainda mais poderosa, ainda mais se você já tiver comprado os segredos e as cópias de [Polimorfia].

[Geist Esquivo] – Para destruir os planos de dominação mundial de Druidas Jade, Ladinos Kingsbane e complicar a vida dos Bruxos e Sacerdotes Combo.

[Meteoro] – Para lacaios gigantes que as vezes aparecem na frente, ou simplesmente para recuperar o controle da mesa. Baita carta!

[Nevasca] – Ótima para frear a mesa e impedir ataques de lacaios. Diferente do [Golpe Flamejante], congela os lacaios do oponente. Isso costuma ser chave para ter as respostas prontas nos próximos turnos, seja um [Golpe Flamejante] fatal para os lacaios do oponente, ou até mesmo uma combinação com [Agoureiro]. É comum jogar [Nevasca] só para parar os ataques e esperar por compras melhores.

[Golpe Flamejante] – Para limpar mesas e ganhar um bocado de tempo de jogo. Além de ser sete manas e um ótimo alvo para a [Fúria de Dragão].

[Portal das Terras do Fogo] – Uma das remoções individuais mais poderosas do jogo. A carta ainda evoca um lacaio de custo cinco, que pode fazer muita diferença no jogo.

[Alexstrasza] – Seja para diminuir a vida do oponente (comum em situações de fadiga) ou para recuperar a sua, A [Alexstrasza] é essencial no deck! Além ser uma das cartas mais bacanas do jogo.

[Evocadora Dragônica Alanna] – O golpe fatal após muitos decks gastarem todas as remoções em seus outros lacaios. É insana contra sacerdotes! Pode ser jogada mais ou menos no turno 10, mas costuma ser o golpe de misericórdia no oponente, quando ele não tem mais o que fazer.

[Jaina, a Lich do Gelo] – Uma das cartas mais poderosas do deck. Ela permite que você recupere uma quantidade absurda de vida e vire jogos “impossíveis”. Essencial no deck! Use sem moderação!

É isso galera! Até o próximo TopDecks!

“Bocejo” se apaixonou por Hearthstone em julho de 2014. De lá pra cá o relacionamento ficou sério, eles decidiram morar juntos e hoje vivem felizes para sempre. Já chegou ao lenda e fez 12 wins na arena diversas vezes. Costumava dizer que para “zerar" Hearthstone só faltava ganhar do Rase… mas agora que já ganhou, só resta mesmo sonhar com o mundial (do Rase, claro).