Hearthstone

Boletim do Meta 42 – Enfim a calmaria

O Meta está bem diverso e as classes estão bem próximas em termos de popularidade. Mago é a classe mais popular no geral, com três arquétipos diferentes viáveis. Mago Burn é o mais popular e existe uma preferência se comparado com o Segredos nos ranks mais altos, isso se dá por causa de sua flexibilidade e habilidade de se adaptar ao Meta. Observamos o Mago Congelante com uma presença bem chamativa na porta de entrada para o Lenda, como resposta aos dois arquétipos Token, muito presentes nesses ranks.

Druida é a classe mais popular nos ranks mais altos de jogabilidade e, o Druida Token o mais popular do jogo. Seus números próximo ao Lenda são muito altos, beirando aos 15%. Druida Jade também é popular e sua relação com o Token é de co-dependência, como explicamos melhor no artigo da classe.

Ladino teve um aumento leve na jogabilidade e, parece que o declínio que a classe vinha sofrendo está dando sinais de parada. Ladino Quest surgiu como uma opção fortíssima no Meta na última semana, mas parece que o arquétipo jamais voltará a ter aquele número alto que teve no começo de ‘Un’Goro’.

Enquanto o Guerreiro Provocar continua estagnado, o Guerreiro Pirata está ganhando popularidade. Nas últimas semanas, o Meta estava extremamente focado em bater outros decks, com isso o Pirata começou a ser relativamente ignorado. A matemática é simples: um deck forte que não ganha muita atenção pode explodir de repente. Somado a isso, o início do mês é interessantíssimo para o Pirata, por ser o deck mais rápido do Meta.

A ascensão do Xamã Token não parece dar sinais de parada e, sua popularidade aumentou nos ranks mais altos. Quanto aos outros decks da classe, o Midrange tem uma representação decente, seus dados são relativamente instáveis e parece que ainda busca sua identidade. O deck é mais lento, focado no valor, com jogadas que parecem um pouco com o Xamã Controle do passado. Essa instabilidade pode ser um sinal, parece ser uma falha de replicar o sucesso do competitivo na Ranqueada.

Uma das classes mais diversas é o Paladino. Os três arquétipos tem representação quase igual, especialmente nos ranks mais altos,sendo difícil imaginar o que está enfrentando. Jogadores estão abandonando o Midrange, e o Murloc está cada vez mais comum. Com Ladino e Mago tão presentes, é um incentivo aos Paladinos se tornarem mais rápidos.

Sacerdote Dragão tornou-se significativamente o deck mais popular da classe, enquanto os outros tomaram um golpe. Isso aconteceu devido o crescimento continuado do Xamã Token, que pune ferozmente por causa do [Involução], porém é vulnerável a remoções em área. O plano de jogo proativo e as remoções em área deixam o Sacerdote Dragão em uma situação mais favorável.

Os números do Caçador subiram em todos os níveis, o que provavelmente se dá ao reset do mês. Porém ainda demonstra declínio a medida que o jogador sobe. Mesmo assim, o Caçador é bem jogável, diferente do Bruxo, que também teve um aumento (bem mais suave).

Os dados usados nesta analise são do site Vicious Syndicate. Foram 75 mil jogos analisados, sendo 9 mil entre os ranks 1-5 e 11 mil entre os ranks 6-10, e lenda não foi informado. Nos posts das classes você encontra o link para inserir o deck diretamente em seu jogo! Esta é uma novidade que já está funcionando desde o último dia 01/06.

Veja abaixo o Mulligans e Decks para cada classe

Domingo passou a ser o dia de BOLETIM DO META. Segunda-feira é o dia da TIER LIST. Para os que gostam de CAMPEONATOS, na quarta-feira publicamos as listas dos que vão rolar durante a semana. Fora isso, artigos sobre Hearthstone e outros jogos saem diariamente no site! Não percam!

CLASSE Druida CLASSE Cacador CLASSE Mago

CLASSE Paladin0 CLASSE Sacerdote CLASSE Ladino

CLASSE Xama CLASSE Bruxo CLASSE Guerreiro

O cara que tende a ser trollado pelo RNG, mas tenta não reclamar disso. Gosta tanto de Hearthstone que não tem apenas um heroi preferido, têm todos.