Hearthstone

TopDecks: Bruxo Mill do Dog (Top 5 Lenda)

Dog é um dos jogadores mais conhecidos no cenário de Hearthstone, além de ser considerado um dos melhores deckbuilders do jogo, principalmente no início das expansões. Vira e mexe ele aparece com uma lista maluca de decks combo ou com interações loucas. Se você gosta destas listas vai querer acompanhar o Monsanto e o Rage também. Para seguir uma lista com vários jogadores profissionais, brasileiros e estrangeiros, acesse nosso post sobre isso, clicando aqui.

“Fiquei no Top 5 da Lenda com esse deck a maior parte do dia.
Basicamente a base da lista mill padrão com [Deslealdade] + [Uivador Demoníaco] para ajudar um pouco contra Sacerdotes!”

Deck

Código

AAECAf0GCPauAuTCAsXMApLNAqLNAqDOApfTApfoAgsw2wb4B8wI3bwCm8IC3sQC38QC58sCrs0C980CAA==

Conceito

A ideia desse deck é um pouco diferente do que estamos acostumados a ver no Mill de Ladino, por exemplo – onde o foco é queimar “um milhão de cartas” do oponente. A ideia aqui é jogar mais em um estilo midrange, mas com possibilidades de fazer o oponente perder (queimando) ferramentas importantes para o jogo dele – seja fazendo isso com a [Gnomoferatu] ou com o [Oráculo da Luz Fria].

Além disso, você pode usar [Deslealdade] + [Uivador Demoníaco] e [Profanar] ou algum dano e “acabar” com a mão do oponente.

O deck curva bem e é capaz de encontrar respostas facilmente, graças ao poder heroico do Bruxo. Mais para o final do jogo, o deck ainda conta com a possibilidade de ter uma presença de board imensa, do nada, com o [Gul’dan, o Furtassangue] – além do poder heroico dele, que é insano!

Cartas de Destaque

[Gnomoferatu] – Um drop dois de corpo bacana, que retira uma carta do topo do deck do oponente – você vê qual foi a carta descartada, sabe que não precisa mais jogar ao redor do oponente te-la. Você conseguir queimar um [Anduin: O Ceifador Sombrio] ou alguma carta importante e praticamente ganhar o jogo no turno dois.

[Profanar] – Essa carta é capaz de fazer estragos absurdos! É excelente contra Caçadores e Xamãs e também pode fazer estragos contra Ladinos e Paladinos.

[Rastejante de Golakka] – Em dias que até Caçador está rodando Piratas, nosso amiguinho aqui consegue fazer muitas viradas de mesa e ter um valor absurdo no caminho para a vitória.

[Rato Sujo] – Um dos focos dele é tirar o [Raza, o Acorrentado], mas ele pode fazer vários estragos diferentes no meta atual. Mas cuidado, ele também pode estragar os seus planos – tente jogar quando você souber o que está fazendo e, de preferência, tiver remoção/proteção para o que pode cair na mesa.

[Deslealdade] – Essa carta, em combinação com o [Uivador Demoníaco] e [Profanar], é capaz de destroçar a partida de um Sacerdote – mesmo depois dele já ter usado [Raza, o Acorrentado] e [Anduin: O Ceifador Sombrio]. Se ele não tem cartas para usar, não consegue fazer a “metralhadora” funcionar. O combinho é legal contra outros decks controle também.

[Oráculo da Luz Fria] – Além de fazer o oponente descartar cartas, te permite achar as respostas que você precisa.

[Uivador Demoníaco] – Companheiro de chapa da [Deslealdade] – se você já leu o texto dela, sabe o que fazer.

[Impositor Abissal] – O [Golpe Flamejante] de Bruxo, que ainda deixa um demônio 6/6 na mesa – not bad!!

[Espiral Etérea] – ‘Mátá tútô!!’ Precisa dizer mais?

[Gul’dan, o Furtassangue] – Assim como no Zoolock atual, [Gul’dan, o Furtassangue] é faz uma diferença incrível no deck, tanto pelo “efeito N’Zoth” quando pelo poder heroico.

Por hoje é isso, até a próxima!

“Bocejo” se apaixonou por Hearthstone em julho de 2014. De lá pra cá o relacionamento ficou sério, eles decidiram morar juntos e hoje vivem felizes para sempre. Já chegou ao lenda e fez 12 wins na arena diversas vezes. Costumava dizer que para “zerar" Hearthstone só faltava ganhar do Rase… mas agora que já ganhou, só resta mesmo sonhar com o mundial (do Rase, claro).