Boletim do Meta Semanal

O Boletim do Meta, em sua 154ª versão, é baseado nos dados do site Vicious Syndicate! Lembrando aos jogadores que, se puderem (e quiserem) fazer parte da coleta de dados do site e também de outros, ajudando os sites de estatísticas, acessem nosso post que explica como fazer isso

E vivemos para ver o declínio do Caçador de Demônios, mas calma, ele ainda é muito presente e forte no jogo. Com isso o Guerreiro Enfurecer tem subido no ranque lenda, mas é menos popular nas outras faixas de ranque provavelmente por ser um pouco mais difícil de usar. Ladino Galakrond parece estar tomando o trono do deck Highlander da classe, pois passou a ter um desempenho melhor contra as composições do meta atual.

Outro deck Highlander que vê jogo é o de Caçador, e este está arrasando, vendo mais jogo esta semana. Já quando o assunto é Galakrond, o Sacerdote é que vê aumento com o arquétipo, já que este é bom contra a lista de Guerreiro que está se tornando mais popular, ele sobe junto. 

Mago Highlander também vai bem, obrigada, viu algumas mudanças nas últimas semanas e parece ter finalmente se ajustado. O mesmo não acontece com o Bruxo, parece sobreviver modestamente com as listas Zoo e Controle, e esta semana apareceu uma nova “velha” conhecida, a lista de Missão.

Druida, Paladino e Xamã estão no cantinho, confabulando, esperando o momento de se vingarem das outras classes, quando novos cards forem apresentados ao jogo… Será que eles conseguirão? 

Clique nas imagens abaixo e confira os decks, códigos
e mais informações sobre as classes

Aos sábados temos o BOLETIM DO META, do modo Padrão. Segunda é dia da respectiva TIER LIST. Já nas terças e quintas temos a coluna TopDecks.

O Boletim do META WILD, não tem data definida, mas conforme novas informações aparecem, publicamos as novidades. Além disso, temos diversos guias sobre o jogo, além de histórias sobre alguns dos personagens, no Café com Blizz.

meta hearthstone semanal - CLASSE Bruxometa hearthstone semanal - CLASSE Cacadormeta hearthstone semanal - CLASSE Druida

meta hearthstone semanal - CLASSE Guerreirometa hearthstone semanal - CLASSE Ladinometa hearthstone semanal - CLASSE Mago

meta hearthstone semanal - CLASSE Paladinometa hearthstone semanal - CLASSE Sacerdotemeta hearthstone semanal - CLASSE Xama

 


Boletim do Meta 153

Caçador de Demônios continua a arrasar e só sobe, e o Meta todo se baseia em como mudar isso. O Guerreiro Enfurecer parece ser o único com capacidade para vencer o deck aggro do Caçador de Demônios. Ladino ainda é a segunda classe mais popular da ladder, mas parece estar perdendo seu posto aos poucos para o Guerreiro, pelo motivo citado acima. 

O Caçador também está em uma fase de subida, e sua lista Face é a mais popular fora do Lenda. Já no Lenda o deck Highlander é o mais usado. Sacerdote continua sua fase de ajustes indo de Highlander para Galakrond.

Mago declinou um pouco, enquanto o Bruxo teve uma reviravolta, o Zoo subiu e o Controle caiu. Druida, Paladino e Xamã estão por baixo, já não tem mais ferramentas para serem levados em conta em relação aos decks mais usados no jogo atualmente. 


Boletim do Meta 152

Caçador de Demônios é declaradamente insano. Mesmo recebendo mais um escalonamento nos cards do jogo, a classe continua a ser a primeira no Meta. E, tendo apensa um mês em Hearthstone, já tem jogadores com as skins douradas, de mil vitórias, sendo exibidas, o que mostra o quanto a classe está prevalecendo sobre as outras.

Ladino cresceu em popularidade depois das últimas mudanças da ranqueada. As listas Galakrond e Highlander estão comuns e vão bem em vários níveis de jogo, mas Galakrond parece ter retomado a dianteira da classe mais uma vez. Enquanto isso o Mago está focado em seu deck Highlander, pois o Spell não está mais tendo uma taxa de sucesso tão boa. Além disso, os jogadores que amam Sacerdote continuam buscando por alternativas para a classe. A lista Galakrond está melhor que as outras duas, Highlander e Ressurreição, e tem tido um certo sucesso.

Caçador está procurando seus ajustes depois das mudanças, mas seus três decks (Highlander,Dragão e Face)  estão similares em taxas de reprodução, pelo menos por enquanto. Uma surpresa foi o Guerreiro Enfurecer, que se tornou um quebrador de meta e não sofreu nadinha com as mudanças em Hearthstone. Já o Bruxo Controle perdeu a força do Pacto Sacrificial, que era sua arma eficaz, e perdeu seu espaço pra lista Zoo, que não é mais tão aggro, mas achou um espaço pra crescer neste momento mais lento do Meta.

Paladino Murloc parece ser a única lista que roda na classe no momento, e o Druida também perdeu a força, sofrendo com as alterações que deixaram Kael’thas mais caro e atrapalhou a dinâmica do deck. Xamã, bem, este está em um momento ruim… 


Boletim do Meta 151

Entre um poder absurdo e a novidade da classe Caçador de Demônios, as listas da classe foram tão absurdamente usadas no primeiro dia de sua expansão, que já tivemos nerfs no dia seguinte. Mesmo assim a classe continuou popular, e só viu queda por conta dos nerfs, e pela dinâmica de Hearthstone, que visa o aparecimento de listas ficadas em bater os decks mais fortes, gerando aquele sobe e desce que tanto conhecemos.

Bruxo está estabelecido, por enquanto, como a segunda classe mais popular do jogo, por ter sua lista Controle indo tão bem contra o Caçador de Demônios Aggro. O Druida está em terceiro lugar, com as listas Big e Feitiços indo muito bem na ladder. 

Ladino teve sua cota de tentativas em torno dos Segredos, mas não rolou nada legal e voltamos a ter as listas Galakrond Highlander. Sacerdote também tem dois decks principais, Ressucitar e Highlander, sendo o segundo menos popular. Mago está bem popular, mas vai diminuindo sua presença quanto mais perto do Lenda o jogador chega. 

Xamã tem muitos testes, em volta do Galakrond basicamente,  mas também temos a lista Totem, que começou a aparecer recentemente para tirar proveito da Reflexão Totêmica. Já o Caçador teve uma queda grande com as mudanças recentes, mas também mantém a diversidade de decks. 

Paladino rapidamente afundou no meta, enquanto Guerreiro, que também não ganhou nada muito forte e ainda perdeu com a rotação, ainda tem o deck Enfurecer, que ainda tem um espaço neste meta atual.

Escolho Druida em qualquer jogo, sem pensar duas vezes. Sou jornalista de formação e de coração, e descobri aqui, neste Mundo de Eluna, meu cantinho para desenvolver textos gamers e com outros assuntos que gosto. Peguei ranque legend em HS, já fiz 12 wins na arena, e continuo procurando raides no WOW quando dá tempo.