Boletim do Meta – Caçador de Demônios

Boletim sobre o Meta 159 de Hearthstone semanal para Caçador de Demônios, com base nos dados do Vicious Syndicate, está no ar.

Caçador de Demônios Agressivo se recusa a ser nerfado de fato. A cada nerf o arquétipo renasce mais forte e isso volta a se repetir.

Talho Duplo foi uma mudança interessante, afetou negativamente no geral, mas causou uma mudança geral no arquétipo em algumas matchups. Caçador de Demônios Agressivo está mais fraco no early, já que a curva está mais difícil, e isso impacta negativamente nas partidas onde o Caçador de Demônios Agressivo precisa de criar o snowball no oponente. Em contrapartida, o late é bem mais forte, aumenta a explosão do combo com o Altruis, o Proscrito

MrLiu conseguiu vencer o China Gold Championship onde inclui Berserker AmaniAprimorante Guardião. Apesar de ainda ser um pouco estranha por cortar uma cópia do Talho DuploAltruis, o Proscrito, estamos impressionados na ranqueada com essa nova dupla.

A chave do early aqui é o Brigão Mascaosso/Berserker Amani/Aprimorante GuardiãoAjudante Aprimorada. Acreditamos que, ao invés de cortar Altruis, o ProscritoTalho Duplo, a lista deve cortar Raio Ocular e um Tecessombras Congelado. Essa lista piora um pouco nas matchups lentas, mas ajuda dominar Druida e Caçador novamente. Mas o early agora é fortíssimo e não perde consistência na mirror. Ainda precisa de avaliações, então semana que vem teremos mais dados para estimar a melhor lista possível.

Há experimentos com outros arquétipos, Controle e Highlander parecem longe de serem competitivos e não encontramos potencial algum de melhora.

Caçador de Demônios Agressivo

Decks, Códigos e Mulligans

Caçador de Demônios Agressivo Deck

Caçador de Demônios Agressivo Enrage
AAECAea5AwTMugPDvAPWvgPaxgMNlgb9pwP5rgOLugPXuwPEvAPgvAPXvgPevgPZxgP3yAP5yAP+yAMA

Caçador de Demônios Agressivo Mulligans

CLASSE Demon Hunter
Carnífice de Batalha, Asumbra, Berserker Amani, Ajudante Motivada, Tecessombras Congelada, Brigão Mascaosso.

CLASSE DruidaCarnífice de Batalha, Asumbra, Ajudante Motivada, Maga de Batalha Fulgurante, Altruis, o Proscrito, Brigão Mascaosso

CLASSE Cacador
Carnífice de Batalha, Asumbra, Ajudante Motivada, Maga de Batalha Fulgurante, Berserker Amani, Brigão Mascaosso.

CLASSE Mago
Carnífice de Batalha, Asumbra, Ajudante Motivada, Feitor Sátiro, Kayn Solfúria, Berserker Amani.

CLASSE Paladin0
Carnífice de Batalha, Asumbra, Ajudante Motivada, Feitor Sátiro, Kayn Solfúria, Berserker Amani.

CLASSE Sacerdote
Carnífice de Batalha, Asumbra, Ajudante Motivada, Feitor Sátiro, Kayn Solfúria, Berserker Amani.

CLASSE Ladino
Carnífice de Batalha, Berserker Amani, Altruis, o Proscrito, Ajudante Motivada, Kayn Solfúria, Brigão Mascaosso.

CLASSE Xama
Carnífice de Batalha, Asumbra, Ajudante Motivada, Feitor Sátiro, Kayn Solfúria, Berserker Amani.

CLASSE Bruxo
Carnífice de Batalha, Asumbra, Ajudante Motivada, Altruis, o Proscrito, Berserker Amani.

CLASSE GuerreiroCarnífice de Batalha, Asumbra, Ajudante Motivada, Berserker Amani, Maga de Batalha Fulgurante.


Boletim sobre o Meta 158 de Hearthstone semanal para Caçador de Demônios

Caçador de Demônios Agressivo tem duas abordagens, cujas diferenças são três ou quatro cartas, e ambas são ótimas no Meta. Elas focam em snowball ou finalizações.

A variação com Brigão Mascaosso é melhor em partidas rápidas. O desenvolvimento de ameaças é mais consistente e o buff com Aprimorante GuardiãoAjudante Motivada.

A variação Cycle é melhor em partidas lentas, já que o potencial de combo com Altruis, o Proscrito é mais consistente. A princípio parecia uma versão inferior, porém, o crescimento do Sacerdote e o declínio do Druida deixou as variações em pé de igualdade.

O nerf do Talho Duplo deve ser bem dolorido e talvez fazer a versão Cycle sumir, atualmente é a carta mais forte do arquétipo e ferramenta primordial no Altruis, o Proscrito.


Boletim sobre o Meta 157 de Hearthstone semanal para Caçador de Demônios

Caçador de Demônios Agressivo tem sido tentado pelo Guerreiro e sentindo a pressão, mas o arquétipo se sai bem contra o restante das classes.

Melhoras foram feitas, Brigão Mascaosso chegou e junto com ele Aprimorante Guardião. Juntos, essa dupla é fortíssima. Brigão Mascaosso pode agir como um snowball e ser buffado pela Ajudante Aprimorada, e ser uma ameaça bem considerável já no early, além de conseguir proteger o Feitor Sátiro e o Carnífice de Batalha.

Essa nova inclusão fez com que o arquétipo se ajustasse super bem contra Guerreiro, Bruxo e a própria mirror, além de acabar com o Caçador.

Ainda não dá pra dizer que essa lista é melhor que a Cycle, mas provavelmente é a que melhor se ajusta no momento do Meta. Lembre-se que as duas listas tem abordagens diferentes, esta, tem o foco no snowball, a Cycle tem foco no late game e valor com Altruis, o Proscrito.


Boletim sobre o Meta 156 de Hearthstone semanal para Caçador de Demônios

Caçador de Demônios Agressivo se mantém dominante, com Guerreiro Enfurecer como seu único e consistente counter. O nerf na Sacerdotisa da Fúria fez com que a partida contra o Guerreiro Enfurecer fossem mais difíceis ainda.

Outra semana se passou e o Emissário do Signo Carmesim continua no arquétipo. Compra de cartas é importantíssimo, a busca pelo Altruis, o Proscrito é ainda maior do que quando a Sacerdotisa da Fúria era presente. XiaoT conseguiu Lenda #1 com uma lista com duas Visão Espectral e uma do Raio Ocular, porém Visão Espectral é uma compra meio ruim e só seria muito bom em partidas lentas.


Boletim sobre o Meta 155 de Hearthstone semanal para Caçador de Demônios

Caçador de Demônios já pode pedir música no Fantástico e mesmo assim, é um dos decks mais fortes do Meta. Uma ajuda é que o Guerreiro Enfurecer, que continua sendo seu counter, também foi nerfado e caiu em jogabilidade. Até que o Guerreiro ressurja, Caçador de Demônios continua surfando em um Meta favorável.

Se havia um debate entre incluir ou não Sacerdotisa da Fúria no arquétipo, com o nerf, está fácil de remover, as listas sem ela podem ser criadas.

Outro debate, é a continuação de Emissário do Signo Carmesim na lista. Obviamente que com o nerf, a deixou mais fraca, mas é interessante o suficiente para continuar. Caso deseje, Vigia Cego aumenta a consistência. Biltre Vulperina é uma excelente carta de valor em diversas partidas, mas não é uma carta para turno três.


Boletim sobre o Meta 154 de Hearthstone semanal para Caçador de Demônios

Para um deck que foi amplamente atingido por todo mundo, Caçador de Demônios Agressivo anda fazendo um belo papel, mesmo sofrendo com o crescimento do Guerreiro Enfurecer. Apesar de amplamente atingido, é um arquétipo fortíssimo com uma única matchup reconhecida, o Guerreiro Enfurecer, que por sua vez também pode ter um counter a caminho, o Caçador Face.

Ajudante Motivada cresceu muito em jogabilidade. Percebemos então que é uma excelente carta para os lacaios de early  tão sujeitos a remoção em área. Um outro motivo é que como o deck é amplamente usado, o oponente já sabe o que pode vir de pior a cada turno e guardar a remoção. Com o aumento do HP do lacaio, o oponente tem problemas maiores para lidar.

Com Guerreiros e Caçadores extremamente comuns e a mirror bem relevante, Tecessombras Congelada é uma escolha forte para ser incluída.

Sacerdotisa da Fúria é uma carta excepcional, não é só a melhor carta do deck, como é de todo o set, é incrível também contra Guerreiro, considerando que é o counter do Caçador de Demônios Agressivo, não há motivos pelo qual essa carta não deve ser incluída.

Com Ajudante Motivada sendo vista em listas sem Sacerdotisa da Fúria, é necessário uma mudança de lista para encaixar ambas. Golpe do Caos é uma carta ok, nem excelente, nem horrorosa, mas não é a compra que gostaríamos de ter, não é uma carta forte de tempo, nem um dano eficiente.

Existem mais movimentos que visam cortar Raio Ocular ou Caveira de Gul’dan, mas ambos têm uma relevância interessante no Meta no momento, o primeiro para partidas mais rápidas, ou até ajudar em um letal, combinado com Altruis, o Proscrito, o segundo é bem forte em partidas mais lentas e também é habilitador importante para o Altruis.

Glaives de Guerra de Azinoth é uma bela carta, porém, comprar a segunda cópia é ruim, e certamente ficará ainda mais fraca caso a Tecessombras Congelada venha se tornar mais relevante. Então se faz importantíssimo reduzir estas coisas que podem vir a atrapalhar, para otimizar o tempo de jogo do arquétipo.


Boletim sobre o Meta 153 de Hearthstone semanal para Caçador de Demônios

Caçador de Demônios Agressivo não é mais o principal deck do Meta. Vimos, na última semana, tentativas de retirada de Bradovil Enraivecida/Sacerdotisa da Fúria por Asavil Enlouquecida/Tecessombras Congelada, com a intenção de cavar alguma vantagem na mirror e, claro, não deu certo. Sacerdotisa da Fúria é uma excelente ameaça e dificílima de lidar, então não faz sentido algum tirá-la do deck.

Tecessombras Congelada é uma tech que tá sendo usada, é boa contra Caçador de Demônios e Guerreiros, mas é horrível contra Sacerdotes, Magos e Ladinos. Então repare bem onde vai usar.


Boletim sobre o Meta 152 de Hearthstone semanal para Caçador de Demônios

Depois de dois nerfs, Caçador de Demônios agressivo ainda é o melhor deck. Pode não ser tão opressivo como era, mas é um oponente extremamente difícil de enfrentar, sendo seu único counter efetivo, o Guerreiro Enfurecer.

Sem o Pacto Sacrificial alvejar inimigos, Sacerdotisa da Fúria volta às listas junto de Bradovil Enraivecida sendo removidos Asavil Enfurecido Visão Espectral.

Asavil Enfurecido é uma carta bem mais fraca já que é mais suscetível a remoções em área como outros lacaios do Caçador de Demônios. já a Visão Espectral não trabalha bem com a curva da Sacerdotisa da Fúria e, além disso, pode ficar travada na mão, como a Caveira de Gul’dan. E maximizar a compra de cartas não é tão importante quanto ter a Sacerdotisa da FúriaAltruis, o Proscrito também não é tão quebrado como costumava ser.

Os jogadores continuam a tentar utilizar o Caçador de Demônios Highlander, mas ainda não dá pra saber o quão bom é.


Boletim sobre o Meta 151 de Hearthstone semanal para Caçador de Demônios

Os dois primeiros dias de ‘Cinzas de Terralém‘ mostraram que a nova classe implantada no jogo veio à teste. Estava tão forte que teve que ser modificada quase imediatamente, e mesmo assim, ainda segue forte no meta. Mas, para jogadores de outros games, isso é algo comum, coisas novas (como classes), costumam ficar muito diferentes do que já estava no jogo anteriormente, e costumam levar um tempo para serem balanceadas e alinhadas com as outras.

A lista Aggro da classe está uma boa fase, e ficando cada vez mais forte, conforme é modificada. Glaives de Guerra de Azzinoth se transformaram em um finalizador alternativo à lista. Algumas techs podem ser incluídas, no lugar de Golpe do Caos e Adepto da Glaive Jurada, por exemplo, para reforçar a pressão no início do jogo.

O deck Combo da classe, que tem como finalizador Kael’thas Andassol e Demônio Interior, foi muito produtivo no laçamento da expansão, mas as mudanças feitas no jogo o prejudicaram. Mas, com os novos testes e propostas que os jogadores tem feito, ele está ganhando melhoras em seu desempenho de novo.

A comparação entre eles mostra que o deck Aggro está mesmo em melhor lugar na ranqueada, nos ranques mais próximos ao Lenda, o Combo pode ser mais efetivo e interessante, por ser bom contra o Bruxo Controle. Em um meta amplo ele é ainda pior, pois sofre contra Druidas, Magos, Sacerdotes e Guerreiros. A dúvida é se vale a pena incluir Zéfiro, o Grande ou incluir Dança de Lâminas para uma melhor sobrevivência.

O cara que tende a ser trollado pelo RNG, mas tenta não reclamar disso. Gosta tanto de Hearthstone que não tem apenas um heroi preferido, têm todos.