Hearthstone

Guia de Decks – Druida Malygos

Fala galera, enquanto o Meta não se estabiliza, trouxemos um ótimo guia do arquétipo mais debatido do momento, com a revelação do [Flupe Fuzubúrdio] e algumas outras cartas que vieram dar suporte. Lembrando que é um deck bem teórico e muitas modificações serão feitas na busca de seu aprimoramento.

Sobre o Deck

Sobreviva e controle a mesa até a chegada do [Malygos] e, no turno seguinte, caso seja necessário utilizar-se do [Flupe Fuzubúrdio] + [Príncipe Taldaram] e [Fogo Lunar].

Apesar do objetivo ser simples, jogar com o deck não é tão simples assim, cada rodada precisa ser estudada. Há situações onde se pode usar um [Fogo Lunar] para remover um lacaio problemático, mas sem perder a condição de vitória primária.

A nova expansão trouxe [Projeto Biológico], [Flupe Fuzubúrdio] e [Florista Utopétala], que podem fazer o arquétipo ainda mais poderoso. [Projeto Biológico] é uma arma fortíssima contra decks agressivos que, apesar de dar mana também para o adversário, fará esta mana ser bem gasta em lacaios pequenos que, mesmo o Druida tendo problemas com remoção em área, vai conseguir lidar.

Nota-se que a fraqueza do deck ainda são decks agressivos, já que o adversário pode encher a mesa repetidas vezes, mas, caso venha a lidar com a agressividade adversária, a vitória está bem encaminhada mesmo sem o combo completo.

 

 

 

Código
AAECAZICBrQDmdMCneICm+gC5PsC9fwCDEBf6QHTA8QG5AigzQKHzgKY0gKe0gLb0wKP9gIA

Mulligan

Contra decks rápidos

[Projeto Biológico], [Crescimento Silvestre], [Nutrir], [Patada], [Jaspe Mágico Inferior] e [Peste Incontrolável].

O mulligan deve ser o mais focado possível na busca do ramp. Chegando ao turno seis, [Peste Incontrolável] deve ganhar o tempo necessário para ganhar armadura, comprar cartas ou finalizar o jogo.

Algumas cartas podem se tornar o mulligan condicional como [Déspota Arcano], [Rama da Árvore do Mundo], [Naturalizar] e [Malfurion, o Pestilento], mas esses mulligans se encaixam melhor em algumas situações bem específicas.

Contra decks lentos

[Projeto Biológico], [Crescimento Silvestre], [Nutrir] e [Rama da Árvore do Mundo].

Assim como fora falado anteriormente, o ramp é o que deve ser procurado, porém, aqui já não há tanta preocupação com remoções e com sobrevivência, já que o adversário também demorará para finalizar o jogo.

Apesar de não ser preciso se preocupar com remoções à princípio, [Naturalizar] precisa fazer parte do mulligan condicional em algumas partidas, o mesmo pode ser dito da [Infestação Total], [Déspota Arcano] e [Malfurion, o Pestilento]. Vai depender bastante do que já tem na mão e contra quem é a partida.

Estratégia

No geral, o objetivo é usar a [Florista Utopétala] em um turno anterior, rezar para o efeito vir para o [Malygos] passar a custar dois, para que no turno seguinte, [Malygos] + [Flupe Fuzubúrdio] + [Príncipe Taldaram] + [Fogo Lunar] dar 32 de dano, ou, em um caso bem difícil estar com o último stack da [Rama da Árvore do Mundo] e [Patada] para mais 38, ou seja, o potencial de dano maximizado é de 70 de dano.

Contra decks rápidos, é melhor morrer do que perder a vida, a sua vitória é chegar vivo ao turno dez, então a busca pelas remoções será algo incessante, [Patada], [Jaspe Mágico Inferior] e [Rama da Árvore do Mundo]. [Naturalizar] não é tão bom contra decks rápidos, já que lhe dá o gás que ele perde por jogar tanta coisa na mesa, mas em alguns casos, até o [Naturalizar] se torna chave para vitória.

Contra decks lentos, a jogabilidade é bem mais tranquila, o ramp também é necessário como em qualquer partida, mas o deixa em situações de menor desespero por cartas específicas e é terminantemente proibido perder partes do combo. [Naturalizar] é uma excelente arma contra Xamã Calafrarte, outros Druida Malygos (de preferência após a [Infestação Total]).

Substituições de Cartas

Primeiramente, é preciso falar que [Malygos], [Flupe Fuzubúrdio], [Bifurcação] e [Infestação Total] são cartas insubstituíveis, ou enfraquecem o deck a ponto de deixá-lo excessivamente fraco, ou fazem o deck não ter mais sentido.

[Glub Magnífico do Flupe] – Imagina aquela [Patada] na mesa cheia do adversário? Agora imagine isso e depois ganhar sete de mana pelo menos.

[Psicomelão Suculento] – Caso adicione [O Lich Rei], pode dar uma bela sinergia comprando todo mundo que é preciso.

[Quebra-feitiço]/[Coruja Bico-de-Ferro] – Aquele silenciar básico que pode ver jogo dependendo de como o Meta se comporte.

[Gosma Glutona]/[Harrison Jones] – Ganhar armadura ou comprar carta a partir da arma do adversário é sempre muito bom.

[Manipulador Sem-rosto] – Pra não perder performance no combo padrão, para o caso de não ter [Príncipe Taldaram].

Como dito na introdução, o arquétipo é bem cru, muitas cartas podem sair, outras vão entrar a medida que o processo de refinamento for ocorrendo naturalmente.

O cara que tende a ser trollado pelo RNG, mas tenta não reclamar disso. Gosta tanto de Hearthstone que não tem apenas um heroi preferido, têm todos.