Hearthstone

TopDecks Wild 14 – Mago Ímpar

Com a expansão que saiu essa semana, a comunidade ficou toda animada com as novas possibilidades de decks. Estamos presenciando testes variados, todos atrás de um novo Meta. E nós, do Mundo de Eluna, não poderíamos deixar de falar sobre alguns desses decks.

Vale lembrar, que as listas estão sendo testadas e que ainda não foi comprovada a eficácia delas na ranqueada. Então, se você não tem as cartas, é interessante esperar o Meta estabilizar para fazê-las e não se arrepender.

Procurando sobre os novos decks, nos deparamos com um muito interessante: Mago Ímpar! Ele pertence ao arquétipo Controle e por ser Ímpar, ele tem [Baku, a Devoradora da Lua], que ajuda a controlar o campo com o poder heroico aprimorado.

Jogando com o Mago Ímpar

O deck, de forma geral, tem como objetivo esgotar os recursos do oponente aos poucos, até que ele não consiga mais ter respostas. Para fazer isso com maestria, é necessário ter sangue frio para saber a hora certa de usar as remoções.

O início de jogo do Mago Ímpar é bem fraco. Ele tem algumas cartas que são de custo baixo, porém, seus efeitos são mais interessantes em turnos tardios. Uma carta que exemplifica isso é o [Artífice Arcano], que gera armadura igual ao valor de um feitiço lançado ou [Cospe-Fogo Ousado], que aprimora o próximo poder heroico fazendo com que cause dois de dano a mais.

[Defensor da Colina] ou [Piromaníaca] podem ajudar a ter um controle de mesa melhor. O Defensor gera uma outra carta com Provocar, para te ajudar a segurar o jogo, e a Piromaníaca por ajudar a comprar cartas com seu efeito, com o poder heroico aprimorado, fica bem mais fácil de conseguir isso.

Para lidar com os lacaios do oponente, você tem uma gama de feitiços fortes e que dão muito dano em área: [Fúria do Dragão], o recém lançado [Onda de Impacto] (que pode gerar feitiços extras quando o Massacre é ativado), [Golpe Flamejante]. Eles auxiliam no controle de campo, permitindo que você consiga assumir o controle completamente, até que seu oponente não consiga mais responder. Para causar dano face ou em um lacaio específico, você tem o [Portal das Terras do Fogo]. Além de causar bastante dano, ele evoca uma criatura custo cinco!

[Astromante] é outra carta que brilha nesse deck! Por ser do arquétipo Controle, sua mão geralmente está cheia, e ela gera um lacaio com custo igual a quantidade de cartas na mão. Isso pode te ajudar a conseguir ter valor na mesa. Isso se o RNG ajudar!

Para o final do jogo, você tem a nossa rainha: [Jaina, Lich do Gelo]. Ela pode fazer o jogo virar a seu favor. É muito difícil jogar em volta de seu poder heroico, pois qualquer lacaio que ficar com um de Vida, vira um [Elemental da Água].

Durante o jogo, enquanto você vai utilizando seu poder heroico, após causar oito de dano, você pode evocar [Ragnaros, Senhor do Fogo] através do novo card [Jan’alai, o Falcodrago]. Além disso, você pode adicionar uma cópia do card à sua mão, com [Zola, a Górgona]. Para finalizar o jogo, [Evocadora Dragônica Alanna] pode ser aquilo que você quer. Ela entra em campo e coloca muita pressão no oponente e pode fazer com que você ganhe o jogo.

Dicas

O deck de forma geral é bem forte contra o arquétipo Agressivo. Seu poder heroico lida bem com lacaios pequenos no inicio do jogo. Em alguns casos, você pode descer [Artífice Arcano] logo, para conseguir tempo na mesa no turno um, mas você só recorre à esse recurso quando a mão estiver bem ruim. No mulligan, você busca lacaios como a [Piromaníaca] ou [Defensor da Colina], que te ajudam a segurar a mesa e ajudam com as remoções. No caso do de estar enfrentando muitos decks aggro, você pode trocar [Draco Lazúli] por [Onda de Impacto].

Contra decks Controle você tem que jogar de maneira mais fria, e tem que pensar bem as suas jogadas, para não desperdiçar nada. [Jaina, a Lich do Gelo] é uma das principais ferramentas para ganhar essas partidas, então, se você tiver certeza que é um deck controle, é interessante mante-la na mão. Ela pode ser decisiva para sua vitória. No mulligan, você procura cartas  que deem um começo estável, porém, não é tão necessário contestar a mesa logo de início. Então você pode ser um pouco mais ganancioso e pegar cartas com mais valor.

Para concluir, é válido relembrar que esses decks ainda estão em fase de testes. Pode ser que apareça outros mais fortes, pode ser que tenham modificações. Então, faça somente se tiver as cartas. Gastar pó arcano precipitadamente, pode fazer com que se arrependa em um futuro próximo.

Deck

[Artífice Arcano] x 2
[Cospe-Fogo Ousado] x 2
[Boneca Vodu] x 2
[Defensor da Colina] x 2
[Gato Preto] x 2
[Gosma Glutona]
[Piromaníaca] x 2
[Zola, a Górgona]
[Draco Lazúli]
[Fúria de Dragão] x 2
[Onda de Impacto]
[Repugnaz]
[Zilliax]
[Astromante] x 2
[Golpe Flamejante] x 2
[Jan’alai, o Falcodrago]
[Portal das Terras do Fogo] x 2
[Baku, a Devoradora da Lua]
[Evocadora Dragônica Alanna]
[Jaina, a Lich do Gelo]

Código

AAEBAf0ECrkG+g7TxQKb0wLD6gKj6wKe+AKggAOmhwOohwMK7AejtgKbwgLX4QKW5AK38QLD+AK9+gKkhwPNiQMA

Jogo wild desde que lançou o modo. Tenho preferência pelos decks do tier zoeira, mas quando tem necessidade uso os do meta para avançar na ladder.