Hearthstone

Boletim do Meta 26 – Acabou o milagre?

Típico de nova temporada, a primeira semana exibe uma ligeira queda do rei do Meta. Mas não há nada de errado com a classe, o número de Xamãs Midrange Jade continuam subindo e, nos níveis mais altos de jogabilidade o número continua avassalador, próximo de 40% ao alcançar rank 5. Já o Sacerdote vê jogo nos ranks mais baixos, mas esses números caem drasticamente nos ranks altos, sendo mais raro que o Druida. Isso dá a noção de que o Sacerdote Dragão diminui sua performance nos níveis altos de jogabilidade, como já abordamos em outros boletins.

O hype do Ladino se foi, mas a classe se encontra em um momento melhor que a maioria das outras, parece que os jogadores estão perdendo a fé no milagre, quando partem para a ranqueada. Bruxo Reno e Mago Reno são os únicos decks capazes de desafiar o Xamã e ambos têm uma presença respeitável nos ranks altos. Porém, com os jogadores subindo ranks rapidamente, é mais difícil encontrar counters de aggro durante a subida.

Por razões que não se pode explicar, o Druida aumentou sua jogabilidade, e Druida Jade está bastante presente nos ranks mais altos de jogabilidade também. O único problema é que a presença do Druida Jade faz com o Xamã ficar mais dominante, já que ele simplesmente oblitera decks controle. Caçador e Paladino hibernam aguardando a rotação.

Os dados usados nesta analise são do site Vicious Syndicate. Foram 72 mil jogos analisados, sendo menos de 200 no rank lendário, 3500 entre os ranks 1-5 e 11 mil entre os ranks 6-10.

Veja abaixo o Mulligans e Decks para cada classe!

E não se esqueçam, nas segundas-feiras saem nosso boletins do meta e nas terças-feiras saem a nossa Tier List.

CLASSE Druida CLASSE Cacador CLASSE Mago

CLASSE Paladin0 CLASSE Sacerdote CLASSE Ladino

CLASSE Xama CLASSE Bruxo CLASSE Guerreiro

O cara que tende a ser trollado pelo RNG, mas tenta não reclamar disso. Gosta tanto de Hearthstone que não tem apenas um heroi preferido, têm todos.